Jornal Extra Classe - Jornalismo além da superfície
Nº 053 | Ano 6| Jul 2001
MOVIMENTO
MOVIMENTO

Agenda

6ª Marcha dos Sem

No próximo dia 23 de julho, Porto Alegre será palco da 6ª Marcha dos Sem. O movimento foi instituído em 1996, organizada pelos movimento sindical, popular, estudantil, pelas pastorais operárias e pelos partidos de esquerda, com o objetivo de dialogar com a classe trabalhadora e derrotar o projeto neoliberal. Na primeira participação de sete mil pessoas. No ano seguinte,
edição contou com a este número dobrou. Já em 98 mais de 20 mil pessoas tomaram as ruas da Capital. E em 99, o colunista da Zero Hora José Barrinuevo chegou a chamar Porto Alegre de meca das esquerdas. Desde 1996, são defendidos sete eixos principais: emprego, salário, saúde, educação, reforma agrária, política agrícola e moradia. Outras informações pelo fone 51. 3224.2484.

Greve aprovada pelos servidores da Ufrgs

Mais de 700 técnicos-administrativos da Ufrgs votaram pela greve na segunda quinzena de julho, em assembléia geral. Caso a greve seja aprovada por todas as universidades do país (e a prévia é de que será), não haverá o início do segundo semestre letivo nessas instituições de ensino, ou seja, os alunos não poderão fazer suas matrículas. A reivindicação é pelos sete anos sem reajuste. São 74,85% que o governo precisa repassar aos servidores. Outro ponto questionado é a Medida Provisória 2.150, que acaba com a GAE (Gratificação de Atividade Executiva – um direito adquirido desde 1992) e cria a GDAE (Gratificação de Desempenho de Atividade Técnico-Administrativa Educacional), que aumenta os vencimentos básico e, sem nenhuma explicação lógica por parte do governo federal, diminui os salários líquidos. O importante a salientar nessa MP é que os aposentados ficaram de fora, e tiveram seus salários diminuídos. E aqueles que estão para se aposentar este ano ou no ano que vem, terão que esperar mais cinco anos. E com uma agravante: não podem morrer nesse tempo, pois nesse caso a(o) viúva(o) não receberá a GDAE prometida pelo MEC.

Agricultores, Caminhoneiros e Motoristas

No dia 25 de julho acontece a Mobilização dos Agricultores Familiares, Caminhoneiros e Motoristas. A data, uma quarta-feira, comemorada tradicionalmente como o Dia do Motorista e Dia do Colono, foi escolhida para a realização de uma manifestação contra a atual situação econômica do país.

Marcha sobre o Rio Grande

O Cpers/Sindicato está realizando a Marcha sobre o Rio Grande. As palavras de ordem são “Contra o arrocho salarial do governo Olívio” e “Por reajuste digno já!” Marchas regionalizadas estão previstas para o dia 9 de julho em Caxias do Sul, Guaporé e Bento Gonçalves e dia 10 de julho em Santa Cruz do Sul. Serão feitas atividades em todos os municípios e Atos Públicos em frente às Coordenadorias de Educação.

Marcado .Adicionar aos favoritos o permalink.
© Copyright 2014, Jornal Extra Classe - Todos os direitos reservados.

Os comentários estão encerrados.


CONTEÚDOS RELACIONADOS