Jornal Extra Classe - Jornalismo além da superfície
Nº 054 | Ano 6|Ago 2001
CULTURA
JORNADA DE LITERATURA

Passo Fundo respira literatura em agosto

Tania Rosing durante atividades da pré-jornada de literatura, em Porto Alegre

Fotos: René Cabrales

Tania Rosing durante atividades da pré-jornada de literatura, em Porto Alegre

Fotos: René Cabrales

O mês de agosto é esperado com ansiedade pelos apaixonados por leitura, pois é quando acontece a Jornada de Literatura de Passo Fundo. Prova disso, é que em nove dias encerraram-se as inscrições para o evento, que está em sua nona edição.Com o tema 2001: uma jornada na galáxia de Gutemberg, a Jornada acontece de 28 a 31 de agosto, dentro do Campus da Universidade de Passo Fundo – uma das
novidades em relação aos outros anos.O tema escolhido, além de ser uma homenagem aos 600 anos do inventor da imprensa, Johannes Gutenberg, pretende formar um debate sobre a situação do livro frente às novas tecnologias. Segundo a Coordenadora Geral do evento, Tania Rösing, o tema é “um assunto palpitante em todo o mundo, pois se discute o fim, ou não, do livro impresso”. Esta questão que trata da evolução do livro ao e-book será debatida no dia 30 por grandes nomes, como o escritor Mário Prata, o jornalista e escritor Fernando Morais e o embaixador do Brasil na Nova Zelândia, Edgard Telles Ribeiro.

O primeiro dia da Jornada, 28, entre outras atrações reunirá Antonio Skármeta (Chile), autor do livro O Carteiro e o Poeta, Zilá Bernd, Marina Colasanti e Alberto Manguel (Canadá) para falarem sobre “A literatura como construção e expressão da identidade dos povos”. Também será divulgado o vencedor do Prêmio Passo Fundo Zaffari-Bourbon de Literatura. No dia 29, “Seis poetas em busca de um leitor” será o tema a ser discutido por Affonso Romano de Sant’Anna, Ana Paula Tavares (Portugal) e Dean Lermen (Colômbia), entre outros. O último dia terá Frei Betto, Emir Sader e Antônio Torres para palestrar sobre “A preservação da identidade cultural no contexto da globalização”.

Jornada celebra os 600 anos da prensa de Gutemberg

Not available

Jornada celebra os 600 anos
da prensa de Gutemberg

Not available

Soma-se ao evento principal, várias novidades. A mais importante está direcionada para as crianças e adolescentes, a 1ª Jornadinha Nacional de Literatura. “Era perigoso para as crianças ficarem na lona principal. Então resolvemos não impedi-las de participar do evento”, revela Tânia, que completa afirmando que a Jornadinha terá a mesma seriedade e assuntos pertinentes. Ocorrerá seminários com escritores, cursos, espetáculos teatrais, esquetes infantis, instalações lúdicas e uma oficina de quadrinhos com o desenhista Eloar Guazzeli Filho. As presenças de Ziraldo e Ruth Rocha, grandes nomes da literatura infantil, já estão confirmadas.
O jornal Extra Classe também estará na Jornada em edições diárias especiais durante todos os dias do evento com uma novidade, o Extra Classe da Jornadinha, especial para as crianças.

Duas décadas – As jornadas literárias completam 20 anos. Desde a 1ª Jornada Sul-Riograndense de Literatura, em 1981 quando participaram cerca de 800 pessoas, até hoje, duas décadas de experiências são a base para a grandiosidade da 9ª Jornada Nacional. Este ano, o evento terá mais de 4 mil pessoas e contará com uma estrutura de oito lonas: a principal, a da Jornadinha, lonas satélites para as oficinas e mesas redondas com os escritores e a lona Circo Girassol, onde haverá teatro e mostras de cinema. Além disso, haverá mais um espaço de dois mil metros para a Feira do Livro, e outros espaços para a Praça de Alimentação e para a imprensa.

Marcado .Adicionar aos favoritos o permalink.
© Copyright 2014, Jornal Extra Classe - Todos os direitos reservados.

Os comentários estão encerrados.


CONTEÚDOS RELACIONADOS