Jornal Extra Classe - Jornalismo além da superfície
Nº 055| Ano 6| Set 2001
EXTRATO
MURILO MENDES:FUNDAMENTAL

César Fraga

Com o modernismo brasileiro surgiram muitos poetas, que permaneceram entre os melhores de nossa literatura: Manuel Bandeira, Drummond. Mas este mineiro, tão importante quanto estes citados, brilhou menos, embora sua obra representasse tanto quanto a dos demais. Murilo nasceu em Minas em 1901 e morreu em 1975. Este é o ano de seu centenário, e, portanto, uma boa desculpa para relê-lo e redescobrir seus versos. “Não serás antepassado/Porque não tiveste filhos”, escreveu em Poesia Liberdade (Editora Record, 167 páginas), já propondo no próprio título do livro que o substantivo (liberdade) também fizesse as vezes de adjetivo, quase uma qualidade da poesia. Vale a pena também conferir Tempo Espanhol, da época em que o escritor viveu na Espanha e conviveu com artistas europeus, entre eles, Picasso.

   

Marcado .Adicionar aos favoritos o permalink.
© Copyright 2014, Jornal Extra Classe - Todos os direitos reservados.

Os comentários estão encerrados.


CONTEÚDOS RELACIONADOS