Jornal Extra Classe - Jornalismo além da superfície
Nº 085 | Ano 9 | Set 2004
EDUCAÇÃO

Jacira Cabral

Matheus, com três anos de idade, e seus colegas perseguem encantados a professora de inglês vestida de Branca de Neve, circulando pelos corredores da escola e cantarolando: I am boy (eu sou menino), numa adaptação grotesca da música original que diz I am Mom eu sou a mamãe). “Isto não é inglês. Se a palavra mom não precisa de artigo neste caso, o mesmo não acontece com boy, que requer o emprego do artigo na frente: I am a boy (eu sou um menino).” A crítica é da doutoranda do curso de Letras da Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Simone Silva Pires. Em sua dissertação de mestrado, ela estudou as Vantagens e desvantagens do ensino de língua estrangeira na educação infantil.

Marcado .Adicionar aos favoritos o permalink.
© Copyright 2014, Jornal Extra Classe - Todos os direitos reservados.

Os comentários estão encerrados.


CONTEÚDOS RELACIONADOS