Jornal Extra Classe - Jornalismo além da superfície
Nº 124 | Ano 13 | Jun 2008
ENSINO PRIVADO
SINDICATO

Durante todo mês de maio, o Sinpro/RS foi homenageado nas Câmaras de Vereadores de 16 cidades do Rio Grande do Sul, pelo aniversário de 70 anos. Um reconhecimento ao trabalho do Sindicato na construção de melhores condições de vida e cidadania aos mais de 28 mil professores das instituições privadas do RS.

Em Porto Alegre, a homenagem aconteceu no dia 19 de maio, proposta pelo vereador Adeli Sell. “O Sinpro/RS faz jus ao conceito de sindicato cidadão divulgado com o nome da entidade. É um marco na história do sindicalismo do Rio Grande do Sul”, afirmou o vereador. Ele destacou ainda iniciativas como a Fundação Ecarta, Casa do Professor, Jornal Extra Classe e a participação da instituição no Conselho Estadual de Educação. A cerimônia contou com as presenças de dirigentes e associados do Sindicato, além de representantes do Cpers, da Assembléia Legislativa e da Central Única dos Trabalhadores.

“A homenagem que recebemos na Câmara dos Vereadores de Porto Alegre, assim como nas Câmaras de diversos municípios, significa o reconhecimento da sociedade gaúcha à trajetória de lutas que transcendem à busca de melhores salários e condições de trabalho. O Sindicato tem orgulho dessa construção que soma à vida do professor qualidade e cidadania”, destaca destaca Cassio Bessa, diretor do Sinpro/RS.

Em Santo Ângelo, durante sessão especial, destacou-se a trajetória que o Sinpro/RS percorre nesses seus 70 anos de luta e promoção da cidadania. O vereador André Kryszczun falou em nome da Casa Legislativa e lembrou a importância deste sindicato que hoje representa mais de 28 mil professores da rede privada de ensino atendendo uma demanda de mais de 429 mil alunos.

Em Santa Maria, a solenidade aconteceu por indicação do vereador Vilmar Galvão, que falou da importância da representação dos movimentos de classe. “É dessa forma que atua o Sindicato. Com sucesso na defesa dos interesses profissionais e econômicos da categoria”, enfatizou o presidente do Legislativo.

Maria Lúcia Coelho Corrêa, Diretora do Sinpro/RS na Regional de Santa Maria, evidenciou o histórico do Sindicato e o reconhecimento da entidade pela comunidade estadual por promover a cultura e a Educação. O regional de Santa Maria tem atualmente 823 sócios e atende também outras cidades da região.

Na Câmara Municipal de Erechim, a sessão solene foi proposta pelo presidente do Poder Legislativo, vereador Anacleto Zanella. O Diretor do Sinpro/RS em Erechim, Alcione Roberto Roani, ressaltou a importância do Sindicato para sociedade gaúcha. “Para nós, a Educação é um bem público, mas que tem na esfera privada uma opção da sociedade por um ensino de qualidade, no qual o Sindicato denuncia os casos onde o objetivo se desvirtua do campo educacional e passa a visar somente o lucro”.

Marcado .Adicionar aos favoritos o permalink.
© Copyright 2014, Jornal Extra Classe - Todos os direitos reservados.

Os comentários estão encerrados.


CONTEÚDOS RELACIONADOS