Jornal Extra Classe - Jornalismo além da superfície
Nº 125 | Ano 13 | Jul 2008
ENSINO PRIVADO
SINDICATO

Palestra promovida pelo Núcleo de Apoio ao Professor contra a Violência (NAP) no dia 11 de junho apresentou orientações aos professores de como lidar com atos infracionais dentro da escola, com a Dra. Eliete Matias Rodrigues, Delegada do Departamento Estadual da Criança e do Adolescente (Deca). Foram esclarecidos conceitos básicos do Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA) e seus desdobramentos. “Muitas questões de violência resolvidas internamente na escola são atos infracionais previstos por lei e podem ser levados à Delegacia”, explicou Eliete. No entanto, ela acredita que é importante solucionar algumas questões internamente. “O mais importante é ter uma metodologia para solucionar casos mais simples, mas a escola precisa construir limites com o aluno, para não entrar no jogo do não-dá-nada”, reforçou a palestrante. Ela orientou os professores a buscarem formas alternativas da escola estar atenta aos limites, e que casos mais graves podem ser levados à Delegacia da Infância e da Adolescência. Informações sobre NAP em: www.sinprors.org.br/nap

Marcado .Adicionar aos favoritos o permalink.
© Copyright 2014, Jornal Extra Classe - Todos os direitos reservados.

Os comentários estão encerrados.


CONTEÚDOS RELACIONADOS