Jornal Extra Classe - Jornalismo além da superfície
Nº 140 | Ano 14 | Dez 2009
ENSINO PRIVADO
CCT

O Sinpro/RS registrou denúncia no Ministério do Trabalho e no Ministério Público contra o Colégio Saint Exupery, de Porto Alegre, devido a irregularidades na contratação de professores como não-recolhimento do FGTS e contribuições previdenciárias, não-pagamento dos salários mensais e verbas rescisórias e terceirização de atividade fim.

A escola é reincidente em descumprir a Convenção Coletiva e são muitas as ações coletivas já registradas pelo Sinpro/RS na Justiça do Trabalho. Desde o ano passado, o Sinpro/RS tenta negociar com a direção da instituição, que se mostra inoperante. A orientação aos professores é de que procurem o Sindicato para esclarecer questões legais em relação às irregularidades.

Marcado .Adicionar aos favoritos o permalink.
© Copyright 2014, Jornal Extra Classe - Todos os direitos reservados.

Os comentários estão encerrados.


CONTEÚDOS RELACIONADOS