Jornal Extra Classe - Jornalismo além da superfície
Nº 154 | Ano 17 | Jun 2011
ENSINO PRIVADO
SAINT EXUPÈRY

Após cinco anos de crises, escola fechou no dia 9 de maio

Foto: Igor Sperotto

Após cinco anos de crises, escola
fechou no dia 9 de maio

Foto: Igor Sperotto

O Colégio Saint Exupèry, localizado na zona sul de Porto Alegre, anunciou o encerramento de suas atividades no dia 9 de maio, depois de mais de cinco anos de graves problemas financeiros. A instituição praticava diversas irregularidades, que vinham sendo denunciadas pelo Sinpro/RS ao Ministério Público do Trabalho, à Justiça do Trabalho e ao Conselho Estadual de Educação (Ceed/RS). As dívidas trabalhistas somam meio milhão de reais.

Os professores entraram com ações na Justiça do Trabalho por intermédio dos advogados do Sindicato, requerendo o pagamento das verbas rescisórias, FGTS e salário de abril de 25 docentes. “O Sindicato lamenta o fechamento da instituição. O objetivo agora é o recebimento dos direitos trabalhistas pelos professores, visto que a escola não depositava regularmente o FGTS e o INSS”, afirma Glória Bittencourt, diretora do Sinpro/RS.

A escola também é alvo de ação de despejo pelo não pagamento do aluguel do prédio que ocupava. Das oito ações trabalhistas coletivas oriundas de denúncias do Sinpro/ RS, cinco estão em execução, sem que existam recursos ou patrimônio dos gestores para liquidação.

Marcado .Adicionar aos favoritos o permalink.
© Copyright 2014, Jornal Extra Classe - Todos os direitos reservados.

Os comentários estão encerrados.


CONTEÚDOS RELACIONADOS