Jornal Extra Classe - Jornalismo além da superfície
Nº 171 | Ano 18 | Mar 2013
EDITORIAL

Entre tragédias, renúncias, denúncias e enxurradas de informação, o Extra Classe inicia 2013 com esta primeira edição do ano propondo debates, reportagens, avaliações e reflexões necessários, tanto aos professores, quanto ao conjunto da sociedade:

EXCLUSIVO – Nesta edição do Extra Classe, trazemos com exclusividade reportagem de Roberto Villar Belmonte, que surpreendeu até mesmo os ecologistas mais atuantes durante a apuração. Para viabilizar os alardeados investimentos de quadruplicação da fábrica de celulose de Guaíba, a empresa chilena que adquiriu a Aracruz reaproveitou licença de instalação polêmica concedida pela Fepam, em 2008, ainda durante o governo Yeda Crusius. O documento está pronto para ser renovado sem passar por qualquer debate com a sociedade, apesar de representar sensível acréscimo de efluentes altamente tóxicos ao Guaíba.

TELEVISÃO – Na entrevista do mês, a jornalista Grazieli Gotardo entrevista Teresa Montero Otondo, especialista em TV pública, que distingue os modelos estatal, público e privado, analisando com profundidade a televisão brasileira e as carências do setor para que se alcance uma programação de maior qualidade e com foco social, educativo, de informação e cultural.

DEBATE – A repórter Flávia Bemfica investiga a polêmica entre a Sedac e produtores culturais depois das modificações iniciadas em 2012 na lei de incentivo estadual, que modificou critérios e índices percentuais.

MUDANÇAS – O EC também começa 2013 com algumas novidades. Entre elas a estreia como colunista do professor, jornalista e notório militante dos direitos humanos, Marcos Rolim, em coluna mensal. Na editoria de Cultura, a Fundação Ecarta, instituída pelo Sinpro/RS, passa a ter mais espaço, onde publicaremos matérias e artigos sobre eventos produzidos pela entidade. Por outro lado, nossos leitores não mais poderão contar com as tradicionais colaborações de Elisa Lucinda e José Alonso (Economia), assim como a coluna Espaço Jurídico. Além disso, em 2013 o Sinpro/RS completa 75 anos de existência, e o Extra Classe publicará todos os meses, na editoria de Ensino Privado, matérias resgatando um pouco da história do Sindicato. Boa leitura!

Os editores

Jornal recebe Menção Honrosa no Prêmio Direitos Humanos

Foto: Igor Sperotto

Igor Sperotto

Jornalista: César Fraga

Igor Sperotto

No dia 10 de dezembro passado, o jornalista César Fraga (foto), editor executivo do Jornal Extra Classe, recebeu a Menção Honrosa do 29º Prêmio Direitos Humanos de Jornalismo – 2012, pela reportagem de sua autoria Intoxicação nos postos do GHC completa 13 anos, que foi matéria- -capa, em junho do ano passado. A matéria denuncia caso de envenenamento coletivo de 154 pessoas em postos de saúde do GHC, ocorrida em 1999 e que permaneceu abafado durante anos. Esta é a sexta vez em que o Jornal Extra Classe é agraciado no Prêmio Direitos Humanos de Jornalismo. O EC totaliza 27 premiações em 17 anos de existência. A Premiação é promovida anualmente pelo Movimento de Justiça e Direitos Humanos (MJDH), pela Ordem dos Advogados do Brasil, seccional do Rio Grande do Sul (OAB/ RS), Associação dos Repórteres Fotográficos e Cinematográficos (Arfoc) e pela Uita (União Internacional dos Trabalhadores na Alimentação, Agricultura e Afins).

Adicionar aos favoritos o permalink.
© Copyright 2014, Jornal Extra Classe - Todos os direitos reservados.

Os comentários estão encerrados.