CULTURA

Bebeto Alves em show gratuito no foyer do São Pedro

O artista realiza sua primeira apresentação pública, após período de recolhimento, ocasião em que lançou discos e incursionou pelas artes visuais e pela literatura
Da Redação / Publicado em 13 de julho de 2022

Envio diário

Envio diário

Bebeto Alves em show gratuito no foyer do Teatro São Pedro

Foto: Simone Schlindwein/Divulgação

O espetáculo Bebeto Alves – Voz & Violão, traz um apanhado dos três discos lançados durante a pandemia e também seus grandes sucessos

Foto: Simone Schlindwein/Divulgação

Nesta quinta-feira, 14 de julho, o cantor e compositor Bebeto Alves se apresenta às 18h30min, no Foyer Nobre do Theatro São Pedro, dentro da programação do projeto Mistura Fina. A entrada é franca.

Sem realizar shows desde que começou a pandemia, Bebeto Alves volta a encontrar o público, agora, num momento diferente, mas ainda “tateando” o espaço cênico, disposto a encará-lo e a buscar um diálogo, uma interação, uma identificação.

Neste período em que se manteve longe dos palcos, Bebeto Alves não deixou de criar.  Em plena pandemia, desde 2020, lançou três discos – Salvo 79/80, Pela última vez e Contraluz, e não se colocou disponível para fazer uma apresentação sequer por tudo o que vivemos nesses últimos anos.

Além desses discos, fez várias exposições – duas digitais dentro do site balvesphoto.46graus.comPlano de Voo e Escatologia –, e participou de coletivas nas quais se destacaram as mostras Artistas Gaúchos na Fundação Iberê e Linha de Voo, uma itinerância que passou por Uruguaiana, Pelotas e Porto Alegre.

Ainda sobre a mostra Linha de Voo, foi lançado o livro homônimo, com algumas obras da exposição e um texto curatorial do José Francisco Alves e que foi distribuído graciosamente nos espaços expositivos.  O livro e a mostra foram realizados com recursos do Governo do Estado do RS por meio do Pró-Cultura RS FAC – Fundo de Apoio à Cultura.

No início deste ano, a Sony relançou nas plataformas de streaming o seu primeiro disco de 1981, comemorando os 40 anos do lançamento do trabalho que projetou a ideia de uma música sul-brasileira.

Com a fusão característica da música proposta por Bebeto – referencias utilizadas pela influência do rock, do pop e do tropicalismo, trouxe para o mapa da MPB o anexo de um novo gênero musical aculturado nas fronteiras – a milonga.

A discografia completa também está disponível ao público de forma gratuita em seu site em formato digital.

Bebeto Alves – Voz & Violão, traz um apanhado desses três discos lançados nesse curto espaço de tempo e também seus grandes sucessos que atravessam décadas.

É um reencontro, uma celebração, uma necessidade imperiosa de retomarmos a nossa história, a história da música sul brasileira, através do canto e da composição de Bebeto. Tem mais alguém com saudade? O artista diz que tem muita.

Diversidade no Mistura Fina

Depois de passar um período sendo realizado em formato virtual – de abril de 2020 a agosto de 2021 – o projeto Mistura Fina está de volta, agora, de forma presencial, no Foyer do Theatro São Pedro, apresentando a diversidade da produção musical brasileira.

“Resistimos e, graças a Secretaria de Estado da Cultura, através da Lei de Incentivo à Cultura e à Companhia de Gás do Estado do Rio Grande do Sul (Sulgás), chegamos em 2022 com a quarta edição do projeto, garantindo o encontro entre a arte e o público, motor principal do Mistura Fina”, afirma Letícia Vieira, produtora do projeto.

Acessibilidade para deficientes visuais

O projeto, este ano, conta com 30 apresentações, com uma linha curatorial ainda mais diversa, trazendo Arthur de Faria e Nanni Rios à frente da curadoria.

Somando, uma forte parceira do projeto, a OVNI Acessibilidade Universal, que presta serviço desde a primeira edição e estará junto, com audiodescrição em todos os dias do evento (acessibilidade para cegos).

As vagas para a audiodescrição são limitadas e os interessados devem confirmar presença até as 12h do dia do show, pelo WhatsApp 51 984512115. Também é preciso chegar ao Foyer até as 18h pra receber o equipamento de audiodescrição o equipamento, escolher lugar na plateia e conferir a abertura.

O projeto

Com produção e realização da Primeira Fila Produções e correalização do Theatro São Pedro, apoio da OVNI Acessibilidade Universal, assessoria de imprensa da Silvia Abreu e patrocínio da Companhia de Gás do Estado do Rio Grande do Sul (Sulgás), o Mistura Fina exibe a pluralidade da produção musical que se destaca no cenário local e estadual do País.

Iniciado em 2018, o projeto abrigou grandes expressões da música, em shows temperados com arte e alta performance artística que se exibiram no Foyer Nobre do Theatro São Pedro.

Na presente edição do Mistura Fina, já se apresentaram Alma Lusitana e Jairo Klein (30/06) e Andrea Cavalheiro (07/07). A próxima atração é Dessa Ferreira, que exibe sua música afro-indígena contemporânea no próximo dia 21.

Extra Classe

Na edição impressa de julho do Jornal Extra Classe, o jornalista Juarez Fonseca faz um apanhado da trajetória do artista desde os anos 70 até os dias de hoje.

Comentários

Siga-nos