OPINIÃO

2019, essa incógnita

Publicado em 21 de março de 2019

Rafael Sica

Rafael Sica

Ele diz, desdiz, contradiz. Não seria sinistro se não fosse nem juiz nem ministro. Sei, você nem imagina de quem falo. Melhor imaginar, a seu modo, o que ele ainda não disse. Mas nada impede que venha a dizer, desdizer, contradizer

“Quando o acusado não quer se locomover, a condução coercitiva é o sistema ideal de transporte do judiciário. Mas, se assim preferir, o acusado pode ir de táxi”.

“Não abandonei a Lava-Jato. O fato de não frequentar a piscina não quer dizer que não se dá valor ao trampolim”.

“Vazamentos, legais ou não, ajudam a ampliar a visão tanto da legalidade quanto da ilegalidade. Por isso acontecem”.

“Critério, além de superestimado, é também muito relativo. Por outro lado, a falta de critério não está sujeita a essas distorções. Fora esses dois, tenho o meu próprio critério. Trouxe de Curitiba”.

“Pode-se divergir e ser amigo e pode-se convergir e ser inimigo. É tergiversando que a gente se entende”.

“Na interpretação da lei entram a objetividade e a subjetividade de cada um. Isso acrescenta elasticidade às leis. Acho que se todos interpretassem o Código Penal de uma única maneira isso seria extremamente tendencioso”.

“A justiça é sempre justa. Mesmo com margem mínima, digamos 1% ou 2% de justeza, ainda assim não deixa de haver justiça, não é”?

“O projeto do governo de porte de armas não fere a lógica pacifista. O cidadão deve mirar apenas nos marginais, criminosos e outros inimigos da paz”.

Alianças podem ser feitas com aliados e com não aliados. O importante é o ritual de aliar-se sob uma mesma discórdia”.

“Cair em contradição é normal, mesmo entre anormais. Nos atos contraditórios, o positivo é a mudança de posição. Nas declarações e pronunciamentos que fazemos, devemos conviver bem até com a contradicção”.

“A cegueira da justiça é altamente isenta: não se fixa em ninguém e vê mal a todos indistintamente”.

“Não incentivo nem desestimulo milícias. Penso que preenchem um papel inibidor em meio a gente tão desinibida. Numa terra sem lei, a milícia pelo menos leva para lá uma semilei”.

“Coerência, coerência, coerência. Tanta ênfase nessa coisa só a torna incoerente”.

“A judicialização da política é irreversível, uma via de mão dupla: cada vez mais os políticos pedem nosso parecer e, em troca, nos parecemos cada vez mais com eles”.

“As instituições vão bem, mesmo que não voltem”.

“Minha ambição não é desmedida. O sistema métrico é que incapaz de oferecer referência”.

Comentários