Jornal Extra Classe - Jornalismo além da superfície
Nº 145 | Ano 15 | Jul 2010
ENSINO PRIVADO
PREVIDÊNCIA

O aumento de 7,7% concedido aos aposentados que ganham mais de um salário mínimo e o veto ao fim do Fator Previdenciário, sancionados pelo presidente Lula no dia 15 de junho, estiveram na pauta das centrais sindicais nos últimos meses. A Contee realizou nos dias 29 e 30 de maio o XIV Consind, em São Paulo. Um documento final com uma análise sócio-econômica e propostas de soluções foi aprovado na plenária e assinado pelas representações. “Traz uma plataforma de propostas aos candidatos à presidência e ao Parlamento, como o fim do Fator Previdenciário, e com questões específicas da educação”, expõe Cássio Bessa, diretor do Sinpro/RS e da Contee. O Sinpro/RS participou da Conferência Nacional da Classe Trabalhadora, no estádio do Pacaembu, em SP, no dia 1º de junho, que reuniu mais de 30 mil trabalhadores para aprovar reivindicações entregues aos candidatos à presidência.

O secretário-geral da CUT, Quintino Severo, diz que o movimento para que o veto seja derrubado vai continuar. “Não vamos desistir dessa luta. Sempre fomos contra o Fator Previdenciário”, declara. Ele lembra que a CUT defende a criação de uma política permanente de recuperação salarial de médio e longo prazos para os aposentados.

Marcado .Adicionar aos favoritos o permalink.
© Copyright 2014, Jornal Extra Classe - Todos os direitos reservados.

Os comentários estão encerrados.


CONTEÚDOS RELACIONADOS