Jornal Extra Classe - Jornalismo além da superfície
Nº 201 | Ano 21 | Mar 2016
PALAVRA DE PROFESSOR

Por Clair Ana Mariuza

A atividade física traz benefícios para a saúde física e mental e, consequentemente, uma melhor qualidade de vida. Partindo deste entendimento consideramos que investir numa atividade física se torna fundamental na vida do professor, pois com isso terá benefícios que o auxiliam na sua jor­nada de trabalho, na sua saúde física e mental.

É importante que o professor possa dispor de tem­po para poder realizar caminhadas, corridas com regularidade. Quando se pensa em dispor de tem­po para uma atividade física se pensa, “não tenho tempo para caminhar, correr, me sinto cansado”. Na verdade, realizar uma caminhada, uma corrida, nos deixa menos cansados, com mais disposição para as atividades em geral, melhora nosso humor, nossa vida começa a mudar, percebemos os efeitos no con­vívio social, no ambiente de trabalho e familiar, além de prevenir o estresse, doenças físicas e mentais.

A minha experiência com atividade física iniciou na academia com caminhada na esteira e mus­culação. Há dois anos e seis meses aproximada­mente, quando parei de fumar, minha vida mudou; comecei a treinar corrida na esteira na academia. Iniciei muito lentamente, orientada por educador fí­sico. Após aproximadamente quatro meses fui con­vidada a participar do grupo de corrida de rua da academia, onde permaneci até o Sinpro/RS instituir o projeto do grupo de caminhada e corrida orienta­da – Move, sendo uma das primeiras inscritas.

A corrida me ajudou na abstinência ao tabaco, considero que ela foi fundamental para conseguir me manter sem fumar, na saúde como um todo e na qualidade de vida. No Move temos educado­res físicos que nos orientam e nos acompanham, temos planilha individual para os treinos, motivo que me fez ingressar no grupo.

Estes treinos eu realizo nos horários que disponho com regularidade, onde estiver, mesmo nas viagens. Participei de várias competições me classificando em terceiro lugar e primeiro lugar por categoria de idade, consequência da regularidade dos treinos e da orientação dos educadores físicos. Considero im­portante o grupo e a participação em competições que nos motivam e nos ajudam a nos manter trei­nando. O meu desejo é que o Move possa ser um grupo modelo em qualidade de vida de uma catego­ria profissional que considero fundamental na vida de qualquer pessoa, que são os professores.

Parabenizo o Sinpro/RS pela iniciativa.

Marcado .Adicionar aos favoritos o permalink.
© Copyright 2014, Jornal Extra Classe - Todos os direitos reservados.

Os comentários estão encerrados.


CONTEÚDOS RELACIONADOS