Jornal Extra Classe - Jornalismo além da superfície
Nº 016 | Ano 2 | Out 1997
EDUCAÇÃO
EDUCAÇÃO

Notas

Da lógica à filosofia
Os professores Cinara Nahra e Ivan Hingo Weber lançam em novembro o livro Através da Lógica, pela editora Vozes. No dia 17, no Espaço Cultural Leonardo da Vinci, junto ao Colégio Leonardo da Vinci – Alfa , (Rua Cabral, 555), a partir das 17 horas. No dia 19, no mezanino da livraria Vozes (Rua Riachuelo, 1280), das 17 h às 21 horas. “É um livro de Lógica feito por professores de Filosofia. Começa como um livro de lógica, e termina como livro de ética”, afirma Ivan Hingo, citando a Filosofia, Direito, Comunicação, Psicologia, Pedagogia, Literatura e Letras como as principais áreas de interesse sobre o trabalho. A obra já estará à venda na Feira do Livro.
MEC paga por aluno

O Ministério da Educação (MEC) dará R$ 126,00 às escolas para cada novo aluno matriculado. Esta é uma das medidas de estímulo para atrair, a partir do próximo ano, as 2,8 milhões de crianças e adolescentes de sete a 14 anos que estão fora da escola fundamental. Além da propaganda massiva, que inclui a participação de jogadores de futebol, o ministro Paulo Renato Souza já iniciou visitas aos estados para motivar governadores e prefeitos a aderirem à campanha Toda criança na escola. Os recursos serão distribuídos para as escolas com base no Censo Escolar de 1997, que deve ser divulgado em 30 de novembro próximo.

Mudanças na avaliação

A Universidade de São Paulo (USP) mudou a avaliação das teses de mestrado e doutorado. A partir deste mês, em vez de receber notas até 10 e os tradicionais “com louvor” e “com distinção”, os trabalhos da Pós-Graduação são apenas “aprovados” ou “reprovados”. Antes da mudança, quem tirava menos de sete tinha sua tese reprovada, e quem passava era classificado entre mediano (sete) e excelente (dez). À nota, em alguns casos, era acrescentado um comentário elogioso ou restritivo. A decisão provocou polêmica entre os professores na universidade. O argumento de quem defendeu a mudança é tentar evitar “possíveis injustiças”.

CEEd em novo endereço

O Conselho Estadual de Educação (CEEd) retornou ao antigo prédio da Secretaria de Educação, na Rua Carlos Chagas, 55, depois de seis anos instalado provisoriamente no 7? andar do edifício sede do IPÊ. Com a transferência, mudaram também os telefones para (051) 225-5313 e 225-5443.

 

Marcado .Adicionar aos favoritos o permalink.
© Copyright 2014, Jornal Extra Classe - Todos os direitos reservados.

Os comentários estão encerrados.


CONTEÚDOS RELACIONADOS